A competição de empreendedorismo da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico (SEDETEC) é uma realidade desde 2001, sendo totalmente reformulado pela Semene Negócios em 2014.

Visando fomentar o espírito empreendedor nos alunos e na comunidade, além de ajudar no desenvolvimento de negócios locais, a competição trazia conceitos muito ultrapassados de empreendedorismo, que ficavam a cada ano mais defasados. Além disso, o método de ensino também era tradicional, não conquistando mais o engajamento dos participantes e impactando diretamente nos resultados do programa, que estavam abaixo da expectativa da SEDETEC.

A Semente, que já participava da Maratona desde 2011, evoluiu a relação com a SEDETEC, participando de cada vez em mais módulos do programa. Em 2014 trouxe a proposta de repensar a Maratona, trazendo uma abordagem de ensino prática, ensinando empreendedorismo através da Metodologia Lean Startup.

 

PROJETO

O programa foi composto por 19 encontros presenciais práticos de 3 horas de duração, sendo 16 desses encontros ministrados pela equipe da Semente. O programa contou com as temáticas de lean startup aplicadas à realidade de estudantes universitários. Além das capacitações, cada equipe participante teve acompanhamento por meio de consultorias individuais, focadas no desenvolvimento de cada negócio. Ao final do programa, os melhores negócios apresentaram suas soluções para uma banca de jurados em um evento aberto à comunidade.

RESULTADOS

No primeiro ano da reformulação da Maratona, passaram 35 startups, sendo que 14 delas chegaram até a banca final e continuaram desenvolvendo seus negócios. O projeto vencedor da Maratona de 2014 foi a 3D Protos, que uniu, no decorrer do programa, um médico, um designer e uma fisioterapeuta para criar um sistema de impressões 3D de órteses e próteses. Antes mesmo do final do programa a 3D Protos já estava atendendo clientes e gerando receita e é hoje uma referência neste mercado.