imagem de uma cidade de cabeça para baixo na lente de uma câmera
Empreendedorismo na prática,  Inovação,  Startups

Planos de ação: conectando presente e futuro

Você está o tempo todo no caminho para o futuro, certo? É fato! Não se apropriar dessa informação pode te levar a lugares que não gostaria de ir ou talvez não tão perto de onde gostaria de estar. Já parou para pensar que caminho é este afinal?

Para encontrar as respostas para estas perguntas, você deverá criar planos de ação que conectem o presente ao futuro imaginado. Neste post, você vai ver como fazer isso.

Peter Drucker, considerado por muitos o maior consultor de todos os tempos, recomenda que antes de planejar o futuro da organização o líder deve responder três perguntas:

  1. Em que negócio você atua?
  2. Como será o seu negócio no futuro?
  3. Como deveria ser o seu negócio no futuro?

Veja as respostas do CEO da Semente Negócios, Marcio Jappe, neste artigo sobre os desafios de liderar times inovadores.

Olhando estas perguntas com mais calma, é possível perceber que o elemento que as une é o fator temporal. Cada uma aborda um horizonte diferente para a sua empresa, respectivamente tratam do curto, médio e longo prazo.

Mesmo que as respostas para essas perguntas demorem a aparecer, há algumas dicas para que este processo seja mais fácil:

#01 Crie visões claras e com horizonte bem definido: responda as três perguntas Drucker e crie prazos para que cada um dos objetivos seja atingido;

#02 Elimine ou reprograme as ações que não estão diretamente ligadas aos planos de ação: A ansiedade para construir novos produtos ou processos para a sua startup é muito grande, no entanto você deve ter em mente que cada coisa tem seu tempo e que adiantar algo pode ser extremamente prejudicial para o desenvolvimento do seu negócio;

#03 Realize ações coerentes: o futuro se constrói no presente, ou seja, olhe para o que você está fazendo hoje e se pergunte: “enxergo uma linha clara conectando o meu estado presente com o futuro? ”;

#04 Mantenha o foco e realize revisões periódicas: a realização de reuniões estratégicas periódicas auxilia para que a conquista dos objetivos sejam atingidos de forma mais efetiva;

#05 Perceba quando é hora de reprogramar: o tempo para uma startup é muito mais rápido do que o tempo do relógio, por isto esteja atento se as metas programadas foram atingidas antes do tempo e se sentir necessidade atualize as suas visões.

Depois de ter visto estas dicas e refletido sobre as perguntas, provavelmente você abrirá uma nova página e continuará processando informações diversas. Talvez não se lembre mais de toda a informação transmitida pelos 2.182 caracteres acima. Por isto, gostaria que levasse, ao menos, a resposta para o título deste texto: o único caminho conhecido para se chegar no futuro é o presente.

 

 

Eduardo Maneira é consultor da Semente Negócios.

 

 

Quer saber mais sobre os nossos programas? Entre em contato com um dos nossos consultores.

A Semente atua no desenvolvimento de negócios inovadores desde 2011, adquirindo grande experiência em desenvolver comunidades e ecossistemas empreendedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *